fbpx

Depois de mais de dois anos à frente do Livres, o diretor-executivo Paulo Gontijo deixa o movimento no fim desse mês para assumir o cargo de diretor de Inovação e Novos Negócios na Investe Rio, a convite de Chicão Bulhões, secretário de Desenvolvimento Econômico da Prefeitura do Rio e Líder Livres.

“Pra mim é uma honra e uma alegria pensar que ajudei a construir e consolidar um movimento que hoje é a principal voz do liberalismo no Brasil, está institucionalizado e com uma estrutura de governança amadurecida. Temos 29 mandatários, espalhados pelas Câmaras Municipais, Assembleias estaduais e Congresso Nacional, além de mais de 80 líderes Livres atuantes em todo Brasil”, afirma Gontijo.

No movimento desde 2017, ele chegou a ser presidente de diretório estadual do PSL no Rio, ainda quando o Livres estava incubado no partido, e depois liderou a saída do grupo em função da entrada na legenda do então pré-candidato à presidência Jair Bolsonaro. “Cumprimos um dever histórico de afirmar que o liberalismo por inteiro é incompatível com um projeto político reacionário, estatista e que agride os direitos humanos. Tomamos a decisão de sair do partido sem saber qual seria o nosso futuro e construímos esse caminho de forma participativa, ouvindo nossas lideranças e apoiadores por todo país. Hoje somos um movimento consolidado, que é referência de liberalismo no debate público e eu tenho muito orgulho de ter contribuído para isso”, conta.

Carioca, Paulo parte agora para um novo desafio, que é trabalhar na prefeitura de sua cidade. Nos próximos dias o Livres deve anunciar nosso novo diretor executivo.