fbpx

O movimento liberal no Brasil não começou ontem. Foi sendo construído aos poucos com pessoas dispostas a se sacrificar em prol de um país mais livre. Uma dessas pessoas é o Paulo Gontijo, atual Diretor Executivo do Livres.

Paulo Gontijo esteve no Livres antes da nossa fundação como Associação, quando éramos um projeto partidário incubado no PSL. Passou pela partidarização da organização e pela ruptura com o Partido Social Liberal (PSL), ex-partido do presidente.

Começou a se interessar pelo liberalismo nos anos 90, quando leu “O Indivíduo”, jornal estudantil criado em 1997, hoje extinto.

Saindo da faculdade, foi convidado por Pedro Sette-Câmara, um dos fundadores do jornal, para fazer parte de um projeto que ainda era um embrião, o Instituto Millenium. Começou fazendo textos para o site e chegou ao cargo de gerente, onde passou dois anos.

Paulo seguiu sua trajetória de ativismo e por sua notória defesa da liberdade conseguiu uma bolsa de estudos no Instituto Ling. E se encontrou no setor privado, que é o seu local de luta até hoje. Na iniciativa privada, passou 10 anos empreendendo em uma empresa de comunicação.

Foi vice-presidente da Associação Comercial do Rio, e participou da Confederação Nacional de Jovens Empresários. Mas foi como apresentador de um programa de rádio, que tinha como foco falar com o pequeno empreendedor, que Paulo focou na militância, por 7 anos.

Mas Paulo se sentia órfão politicamente. Ele não se via em nenhum partido ou grupo político que representasse o movimento liberal. Até que conheceu o Livres.

Em 2017, largou sua empresa e deixou sua família tocar o empreendimento, para ir ao Rio.

Foi convidado para assumir a direção do Livres, que na época ainda era um movimento incubado no PSL, onde passou um ano se dedicando exclusivamente a esse projeto.

Ali ele via gente que podia dar um novo rumo ao Brasil com as ideias que ele acreditava.

Em 2018, foi candidato a deputado estadual pelo Rio de Janeiro. Não foi eleito, mas encontrou no Livres um suporte. Ele via no movimento pessoas que defendiam os valores que ele achava fundamentais, como a defesa pela liberdade econômica e também para tocar sua vida.

O Livres é um movimento político suprapartidário que defende a liberdade por inteiro no Brasil. Aqui inspiramos pessoas para criar um Brasil onde cada um seja a soma das suas escolhas e não uma consequência do CEP, da família, da herança dos pais ou do sobrenome.

A nossa bandeira é a liberdade por inteiro. Aqui você tem as ferramentas para fazer como Gontijo, e buscar uma sociedade mais livre. As nossas causas precisam chegar nos 4 cantos do Brasil e você pode levá-las!

Torne-se um associado e seja um ativista pró-liberdade com quem carrega o liberalismo nas veias! Tenha acesso à debates, cursos e treinamentos com as nossas lideranças, mandatários, diretores e especialistas. Clique aqui.