fbpx

Bolsonaro, Paulo Guedes, Ditadura, Liberalismo, Educação. Tudo isso foi assunto para esta participação de Paulo Gontijo, presidente do Livres, no programa A Protagonista, da jornalista Madeleine Lacsko.

“Criticar o governo não é torcer contra o país. A gente defende o liberalismo. Medidas por um Brasil próspero, com um governo mais enxuto, têm nosso apoio. Mas com aqueles ministros nas Relações Exteriores, na Educação… não é questão ideológica. Tem que criticar”, disse.

A preocupação com a situação da educação no país ocupou parte importante da mensagem do líder nacional do Livres. “O governo tem que implementar Ensino Médio reformado, base nacional, as leis tão aprovadas. E cadê o MEC? O que o Ministério da Educação tá fazendo pra tirar isso do papel? A gente não sabe! O governo precisa assumir que está errando”, pontuou.

//www.youtube.com/watch?v=Dk69bPD82Lw