fbpx

A pré-candidata a vereadora Maria Tavares, líder Livres em Maceió, deu a largada nesta sexta-feira (24) ao movimento #NãoVendaSeuVoto com o lançamento de um manifesto divulgado nas redes sociais das integrantes. O grupo já conta com quase 100 pré-candidatas em todo o Brasil.

A preocupação do movimento é que a venda de votos se intensifique por conta das dificuldades financeiras acarretadas pela pandemia. Uma pesquisa realizada em 2015 pela Checon Pesquisa/Borghi com quase 2 mil eleitores em 7 capitais brasileiras relata que pelo menos 28% dos entrevistados têm conhecimento ou já testemunhou algum caso de compra de votos.

“A crise é um prato cheio contra quem estará com o prato vazio e barriga seca após o término do auxílio emergencial”, explica o manifesto. “Decidimos criar o manifesto #NãoVendaSeuVoto para que todos saibam que queremos um país mais justo, com maior equidade e sem corrupção”, conclui.

Além de Maria Tavares, outras líderes Livres fazem parte do grupo: Amália Tortato (Curitiba/PR), Elisa Lopes (Conselheiro Lafaiete/MG), Cristina Monteiro (São Paulo/SP), Juliana Afonso (Manaus/AM), Marília Dantas (Natal/RN), Roberta Grabert (São Paulo/SP) e Andrea Spinola (São Paulo/SP).

Saiba mais sobre o movimento e a atuação de Maria Tavares em suas redes sociais.