fbpx

O deputado federal Daniel Coelho, mandatário Livres em Pernambuco, conquistou nesta terça-feira (18) uma grande vitória na Justiça contra o PSB. O partido, que hoje governa o estado de Pernambuco, tentou impedir Daniel judicialmente de divulgar que os respiradores contratados pela PCR para pacientes da Covid-19 haviam sido testados apenas em porcos, que era o que de fato havia acontecido.

O pedido do Partido Socialista Brasileiro foi negado em decisão do juiz Marcus Vinícius Nonato Rabelo Torres. Em seu texto, o juiz afirma, entre outras coisas, que “há muito extirpou-se a censura prévia no Brasil”.

“É lamentável que o PSB queira resgatar o tempo da censura e não tenha compromisso com a democracia”, lamentou Daniel. “Vamos continuar a fazer o debate informando as pessoas e fazendo questionamentos sempre que necessários. Censura, nunca mais”, destacou.

Em julho, a Polícia Federal deflagrou as operações Apneia e Balmasqué para investigar irregularidades na compra de respiradores para o combate à Covid-19. À época, Daniel Coelho repercutiu o escândalo em suas redes sociais e denunciou secretários da Prefeitura do Recife que tiveram mensagens vazadas onde eles compartilhavam risadas em meio a situação.

“Os caras zombando da cara do povo, rindo, ao comprar respiradores para porcos, enquanto Recife tem uma das piores taxas de mortalidade com COVID do Brasil”, publicou Daniel.