fbpx

Em entrevista ao #LivresNotícia desta quarta-feira (14), a engenheira Amália Tortato, candidata a vereadora pelo Novo em Curitiba, falou sobre suas bandeiras para a educação na cidade e como pode fazê-las avançar como vereadora da cidade.

Essa pauta já havia sido defendida por Amália em sua campanha para deputada federal em 2018 e agora ela foi adaptada para o contexto municipal. “Minha ideia é justamente que a gente não trate as creches apenas como um lugar para acolher as crianças enquanto as mães vão trabalhar, mas também valorizem o desenvolvimento das crianças na primeira infância”, explicou.

Para isso, um aspecto importante levantado por Amália para o desenvolvimento das crianças nessa fase é a nutrição. “Sabemos hoje que para as família de baixa renda muitas vezes a refeição da creche é a principal refeição do dia e ela não pode ser negligenciada”, disse. “Se a gente não cuidar agora, lá na frente essa criança não vai conseguir se desenvolver.”

Outra bandeira da educação que a engenheira tem levantado é o direito à educação domiciliar (homeschooling). “Hoje a realidade é que se criminaliza as famílias que optam por educar suas crianças em casa, deveríamos fazer o oposto”, defende Amália. “Não estou dizendo que o homeschooling é melhor ou pior, é mais uma questão de respeitar a liberdade das famílias”.

Confira a entrevista completa: